Pedro Botelho

Pedro Botelho nasceu em Angola a 22 de Dezembro de 1970, onde viveu durante dois anos. Actualmente reside em Quinta do Anjo, concelho de Palmela. revelando desde muito cedo o gosto pela arte de esculpir a pedra. Herdou do avô paterno o dom de pegar no escopro e na maceta e fazer sair, de uma pedra disforme, aquilo que idealizou. Em 1994 realizou a sua primeira exposição no Cinema S. João, em Palmela, e, desde então já expôs várias vezes em Palmela, por ocasião das Festas das Vindimas, nas Festas de Todos os Santos, em Quinta do Anjo, nos Hotéis Alfa e hotel Penta, em Lisboa, na Galeria Inquisição, em Setúbal, e na Galeria Santiago, em Palmela. Em 1998 foi inaugurado, no Largo D. Maria, em Palmela, um monumento com a sua assinatura, que pretende homenagear o trabalhador agrícola da região. Nesse mesmo ano participou num concurso de obras escultóricas para áreas de serviço, tendo as suas propostas sido seleccionadas para integrar a área de serviço de Palmela, em ambos os sentidos (Sul / Norte e Norte / Sul). As obras tiveram como tema a agricultura e a pastorícia, práticas ainda existentes e muito comuns entre as gentes desta região. O escultor utilizou, para cada obra, três chapas de granito preto e três de moleano, e trabalhou-as com a técnica do médio relevo.

Exposição no hotel premiun Setúbal Exposição 4artes e ofícios no espaço fortuna Exposição no auditório municipal de Olhão Decoração do espaço champanheria na feira de vinhos de Lisboa mercada ribeira Exposição no festival ibérico do vinho em Setúbal Participação no projecto das portas pintadas em Setúbal mais bonita Exposição na festa do Queijo Pão e Vinho Exposição no cine teatro st João em Palmela Exposição no mercado municipal de pinhal novo Exposição e decoração da eco faschion em Azeitão Exposição riotuais de arte no museu Michel Giacometti ( museu do trabalho de Setúbal) Exposição 4 artes No espaço fortuna quinta do anjo Exposição de artesanato de Setúbal (...)